Tutorial

Aprendiz de Luthier

Enviado por JonatasRA

Vocês pensam que para produzir uma guitarra é barato? Não é não, a não ser que vcs já tenha todo o material como prensas (para colar as madeiras), furadeiras, mini-retífica (faz uma porrada de coisas é importante pra tudo), lixadeira (a lixadeira é importante pois a madeira não é uniforme e se vc for fazer o lixamento com a mão a superfície vai ficar toda ondulada), além dos outros materiais como colas, réguas e etc. Mas não desista vc pode conseguir emprestado, como eu estou fazzendo hehehe, ou então tem um tio marceneiro q vai t ajudar, mas pense que esse instrumento que vc vai fazer é só seu, ou seja vai er todas as especificações que se adaptem a vc mas nunca desista, valeu!

*Um site que te ensina a construir:
http://www.geocities.com/SunsetStrip/Alley/6514/gtrbuild.pdf

*Madeiras usadas para lutheria, pelo menos as que eu já vi
» Maple(ing.)= Ácer(port.)
» Mohogany(ing.)= Mógno(port.)
» Birch(ing.)= Vidoeiro(port.)
» Basswood(ing.)= ?(port.)
» Ash(ing.)= ?(port.)
» Frejó
» Koa - Madeira Hawaiana
» Pau Marfin
» Pau Ferro - pode causar alergia
» Ébano
» Jacarandá da Bahia
» Marupa
» Ipê
» Cedro

*encontrei um lugar falando como fazer um slide de vidro ai segue o link: http://www.geocities.com/bourbonstreet/delta/7485/slide.html

*Fatores a decidir antes de começar!
» Saber quais as madeiras para o corpo, braço e escala
» Tamanho da escala, esse tamanho é da ponte até o capotraste
» Saber a distância entre cada traste e o tamanho de cada traste
» captadores e controles(número e estilo)
» formato e ângulo da palma(head)
» o hardware(knobs, tarrachas,potenciômetros...)
» marcação(tipo, desenho, material)
» ferramentas
» como vai ser montado o circuito elétrico, se vai ser montado com saida na frente, com necessidade de escudo ou atrás, sem escudo e etc.
» estilo da ponte se é fixa, tipo les paul, tremolo(tipo stratocaster) ou tremolo flutuante estilo guitarra do kiko loureiro, steve vai.
» junção do braço ao corpo
» saber como é que vai ser o capotraste
» pintura, cor, opacidade, tipo

*Braços empenados e tensores

Guitarras mais modernas, com 24 casas, tipo Jackson e Ibanez, têm um braço "fino" e, como qualquer guitarra, sofrem muito a influência da temperatura, sobretudo aqui no Brasil, onde, num só dia, faz calor e frio, faz sol e chove, as guitarras demoram um tempo para se estabilizarem. O braço da guitarra é uma espécie de termômetro; basta uma mudança de temperatura, para ele também se alterar. E não existe nada mais frustrante e desagradável do que um braço "empenado". Portanto, aqui vão algumas dicas para saber se o braço de sua guitarra está ou não empenado.

Alinhe a guitarra de modo que se possa vê-la numa linha reta, podendo-se notar uma curva, para frente ou para trás, o braço está "empenado". Um outro detalhe: se um lado estiver mais empenado que o outro, o braço está "torcido"! Um grave problema. Outra forma usada consiste em pressionar, ao mesmo tempo, a primeira e a última casa do braço da guitarra .Olhando para o centro do braço, se a corda estiver alta, o braço está empenado.

Corrigir esse problema até que é simples, mas deve-se tomar cuidados importantissimos!! Por isso é importante conhecer bem o instrumento, para que outros problemas sejam evitados. Por exemplo, se o tensor já foi por demais utilizado - porque também ele tem um limite - está mais do que na hora de trocá-lo ou comprar outro braço.

O "Tensor" é uma espécie de barra de ferro que, localizando-se no interior do braço da guitarra, mais especificamente entre a escala e a parte de trás do braço, tem a função de tensioná-lo. A ponta do tensor (bucha) geralmente fica no "head stock" da guitarra, mas em algumas delas, pode localizar-se no começo do braço. Nesse caso, é preciso tirar o braço, para que se possa regular. Apertando (sentido horário) corrige-se a "empenada" para frente, enquanto que ao soltar está se corrigindo a "empenada" para trás. A "empenada" para frente dá aquela sensação que as cordas estão muito altas, a "empenada" para trás faz com que a guitarra "trasteje" muito (aquele som de lata). É importante checar se esse problema existe, pois se o braço estiver "empenado" ou "torcido" e assim permanecer por muito tempo, será difícil consertá-lo, porque ele poderá se estabilizar nessa situação.

Um outro cuidado básico é como guardar a guitarra -com a frente dela sempre voltada para a parede ou para o chão- pois assim você não se estará colocando mais pressão além das cordas sobre o braço.

Guitarristas técnicos gostam das cordas "coladas" no braço, isto é, bem próximas a ele, mas reclamam que "trastejam" demais. É impossível uma ação de corda baixa sem "trastejo", mas ao meu ver, mesmo "trastejando", contanto que as notas não sejam "engolidas", não há motivo para se preocupar, procure sempre um bom "luthier"(pessoas especializadas em regulagens de instrumentos) para cuidar desse assunto.

*Achei uma figura sobre o funcionamento do tensor ou tirante lá vai:




*olha ae o site do luthier Paulo Gomes mostrando a construção de um BAIXO ACÚSTICO
http://www.paulogomes.com.br/sitenew/construindo.htm
eu acho que vai servir pra alguém que queira fazer uma guitarra semi-acústica

Mais um link interessante:
http://www.buildyourguitar.com

Aqui termina o tutorial com o meu email para quem tiver duvidas,[email protected], falo galera.