O Gigante

Tiquequê

Tom: Am
  
 Introdução: Am C G Bb F E 
  
 Am                            C 
 Era uma vez um gigante que gostava de caminhar 
        G                   Bb 
 Mas a sua passada era tão grande 
F                               E 
 Que um passo e meio era um passeio 
 Ao topo do pico dos Andes 
  
 Am 
 Era uma vez um gigante 
 O gigante do passo grande 
          C 
 Que era enorme também no nome 
G                           Bb 
 Teotônio Parrudo Garrido Golias Galante 
F                            E 
 Lacerda Pedroso Peixoto Cardoso 
 Carvalho Cabral Cavalcante 
  
 Am 
 Era uma vez um gigante 
 O gigante do passo grande 
 Do nome enorme 
      C                          G 
 Que tinha a barriga de um elefante 
                           Bb 
 Seu prato daria pra vinte homens 
F                                 E 
 Devorava o almoço, engolia até o osso 
 E ainda ficava com fome 
  
 Am 
 Era uma vez um gigante 
 O gigante do passo grande 
 Do nome enorme 
 Da barriga de elefante 
      C                          G 
 Que quando dormia roncava um monte 
                            Bb 
 Tão alto que até parecia ligado num alto-falante 
F                                E 
 Tremia o chão, um tremor de trovão 
 Um ronco nem um pouco elegante 
  
 INTRO 
  
 Am 
 Era uma vez um gigante 
 O gigante do passo grande 
 Do nome enorme 
 Da barriga de elefante 
 Do ronco de alto-falante 
      C                       G 
 Que tinha um nariz assim imenso 
                              Bb 
 Lá dentro, melecas que nem cabiam no dedo 
F                           E 
 O seu espirro era como um tiro 
 Os lencinhos morriam de medo 
  
 Am 
 Era uma vez um gigante 
 O gigante do passo grande 
 Do nome enorme 
 Da barriga de elefante 
 Do ronco de alto-falante 
 Do espirro que dava medo 

Compartilhe esta música: novo

QR Code
Copiar