Chico Xavier

Rogério Skylab

Tom: Dm
(Dm G C Am) 
Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 
Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 
E apesar de tudo é tão comovente, 
A verdade explode na cara da gente, 
A verdade é crua, a verdade é nua, 
A verdade torce e a verdade estupra. 
A verdade é puta, a verdade é puta, 
A verdade trai e nem se incomoda. 
A verdade grita em poucas palavras, 
A verdade arde, a verdade arde: 

Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 
Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 

Então era isso o surpreendente, 
Era tão óbvio, tão evidente. 
Tava na cara, tava nos modos, 
Tava na forma e era o bom senso. 
Então era isso, eu ia pensando, 
A mídia gritava: mentira, mentira. 
Mas eu não ligava e prosseguia 
Tranqüilo e fodido 
Eu ia dizendo: 

Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 
Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 

Decifra o enigma que eu te proponho, 
O x do problema, a minha equação. 
A linha de fuga, a minha miragem, 
O meu oriente e o grandes sertões. 
Decifre o enigma, ando sozinho, 
Eu tô mais distante do que mil japões. 
Alô MAL VAL 
Eu continuo tanquilo e sereno seguindo a canção: 

Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 
Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 

Então era essa a melodia 
Que te pertuba os ouvidos moucos? 
Último gesto, a saideira, 
O canto-do-cisne, a minha canção. 
Então era essa a melodia 
Que te pertuba a noite de sono? 
Meu semelhante, meu companheiro, 
Meu cumpadi, meu irmão. 

Chico Xavier é viado, Roberto Carlos tem perna-de-pau. 
Chico Xavier é viado, Roberto Carlo tem perna-de-pau. 

E apesar de tudo é tão comovente. 
A verdade explode na cara da gente. 

Compartilhe esta música: novo

QR Code
Copiar