Como Voce Pode Abandonar Eu?

Pedra Letícia

Tom: C
(2x): C C7 F Como cocê pôde abandoná eu G C Se nóis foi sempre siliz C7 F Esse moço nunca te mereceu G C E eu sou o que ocê sempre quis!
C C7 F G C 'Essa musica, eu escrevi pra uma ex-namorada C C7 F G C que de tão safada C C7 F G C me abandonou C C7 F G C me trocou por alguém C C7 F G C esse alguém sabe quem... C C7 F G C e eu nunca entendi... C C7 F G C eu era tão bom pra ela C C7 F G C esperava na janela C C7 F G C porque quer rima mais fácil que 'ela' com 'janela'? C C7 F G C mas um dia ela me deixou' C C7 F Aqueles óio verde eu garanto que é lente G C O meu é vesgo mais é natural C7 F E aquele volume olhando de frente G C É enchimento, aquilo não é normal C F O BMW deve ser roubado G C Já meu Belinão ocê me viu comprá C7 F Foram quinze prestação que eu paguei atrasado G C Mas só farta duas, e eu vou quitar! Am F Agora é que eu quero ver G C Você sofrer na mão daquele mané Am F Eu nunca fiz a sua xana doer G C E o apelido dele é tripé!
C C7 F Como cocê pôde abandoná eu G C Se nóis foi sempre siliz C7 F Esse moço nunca te mereceu G C E eu sou o que ocê sempre quis!
C F Se ele faz direito eu faço enfermage G C Se luta Jiu-Jitsu eu jogo dominó C7 F Se ele só bebe whisky Johnnie Walker G C Eu só bebo Drurys e Schincariol C F Se nas férias dele vai pra Nova Yorque G C Pegue um avião embarque e desembarque C7 F Muito mió é lá em Caldas Novas G C Quero ver ter água quente lá no Central Park Am F Agora é que eu quero ver G C Você sofrer na mão daquele mané Am F Eu nunca fiz a sua xana doer G C E o apelido dele é tripé!
C C7 F Como cocê pôde abandoná eu G C Se nóis foi sempre siliz C7 F Esse moço nunca te mereceu G C E eu sou o que ocê sempre quis!
C F Ficar sem você, não sei se eu consigo G C Você foi embora e me deixou chorando C7 F Beijo a calcinha que você deixou comigo G C E no meu Philco-Hitachi tá rolando Wando C F E pra terminar ouça o que eu te digo G C O que esse home qué é aproveitar docê C7 F Fica comigo, aceite meu pedido G C Nem que seja uma só noite, que é pra nóis meter!
C C7 F Como cocê pôde abandoná eu G C Se nóis foi sempre siliz C7 F Esse moço nunca te mereceu G C E eu sou o que ocê sempre quis!

Compartilhe esta música: novo

QR Code
Copiar