Ninguém Pode Proibir Que Eu Te Ame

Paulo Sérgio

Tom: Em
Intro: Fm Eb Fm Eb    

Fm             Bbm     C7           Fm     
Querem, me proibir, de ver, quem eu amo    
               Eb        G#    
Querem, me afastar, de você    
       C7           Fm          Eb       
E eu reclamo, só porque, tanto amor    
          G#             C7            Fm     
Jamais no mundo, vai existir, tenho certeza    
           C#             Bbm           C7    
Sei que ninguém, vai conseguir, tirar você de mim    
Fm         Bbm          C7      Fm     
Mas, não importa, o que falem, agora    
               Eb           G#       C7    
Pois, eles não sabem, o que houve, outrora    
      Fm          Eb             G#         C7    
E nem querem descobrir, o que de bom existe    
          Fm     
Entre nós dois    
      C7                  Fm    
Não importa o que venha depois    
      C7                  Fm   C7    
Não importa o que venha depois    
Fm         Bbm       C7             Fm    
Se, alguma coisa, de mal, nos acontecer    
             Eb           G#          C7     
Eu, tenho certeza, que ninguém, irá saber    
         Fm             Eb             G#     
Eles não querem se importar, com nossa felicidade    
               C7                     Fm    
Nem com o que existe de bom entre nós dois, então    
  C7                  Fm     
Importa o que venha depois, não    
      C7                  Fm        
Não importa o que venha depois    
                   Eb          Bbm      Fm     
Proibir, que eu te veja, isso poderão fazer    
                      C#         C7         Fm    
Mas proibir que eu te ame, nunca pode acontecer    
                      C#         C7         Fm    
Mas proibir que eu te ame, nunca pode acontecer, então    
  C7                  Fm     
Importa o que venha depois, não    
      C7                  Fm       
Não importa o que venha depois...   

Compartilhe esta música: novo

QR Code
Copiar