Congelaram O Cabral

Jcvivan

Tom: Em
Intro: Em  C  Em  C 
        Em  C  Em  C 

Em                       C 
Essa é uma historia tão maluca 
             Em   C 
Que a noite eu vivi 
  Em                    C 
Pior que esse fato escabroso 
                 Em C 
Se passou no meu Brasil 
  Em                  C 
Sonhei que um maluco inconsequente 
             Em  C 
Congelara o Cabral 
 Em                    C            Em C 
E ele despertou em plena era digital no Rio 

C                       D 
Quando  percebeu a sacanagem por aqui 
Bm                            Em 
Sentiu-se culpado por não ter ficado lá 
C                                 D  
Amaldiçoou a Vera cruz em que ancorou 
Bm                      Em 
Pediu perdão ao mundo ao transtorno que causou 

             C                   D 
E ele disse Deus não pode ser aqui 
Bm            Em 
Deus, o Pais que eu descobri 
C 
O que é que eu vou dizer 
         D 
Quando voltar pra Portugal 
    Bm                   Em 
Como explicar tamanha merda de Pais 

( Em  C  Em  C ) 
( Em  C  Em  C ) 

Em                C                Em  C 
Inconformado quis ir à Brasília reclamar 
 Em               C 
Não fosse a lotação e os empurrões 
         Em  C 
Iria conseguir 
   Em                C 
Pisotearam tanto nos seus pés 
          Em  C 
Que ele desistiu 
          Em       C                  Em  C 
Quando depenaram ele então, puta que pariu 

C                            D  
Retornar, à sua Bahia, deslumbrante 
  Bm                    Em 
Não era a mesma terra das belezas desiguais 
   C                       D  
O ouro que trazia um bandido carregou 
Bm                          Em 
Agora era um Cabral quebrado como tudo mais 

             C            D 
E ele disse Raios aqui só tem ladrão 
  Bm                         Em 
Pois que sou o Cabral, e roubaram até a mim 
C 
O que é que eu vou dizer 
     D 
Quando voltar pra Portugal 
    Bm                       Em 
Como explicar  a besteira que eu fiz 

( Em  C  Em  C ) 
( Em  C  Em  C ) 

Em                       C 
Limparam, espancaram detonaram 
                   Em   C 
E prenderam o tal Cabral 
Em                                       
Pudera seu maluco 
               C                  Em  C 
Quem mandou também você nos descobrir 
Em                       C               Em  C 
Culpado e condenado por 500 tantos anos mais 
Em                        C 
Daquele Paraiso deslumbrante 
               Em   
Só restou este Brasil 

 C                          D  
Então ele aprendeu que a cadeia é o Pós 
  Bm                    Em 
Dos becos e das ruas e o estagio é ali 
C                            D  
No trafico e nas drogas o comando faz saber 
      Bm                       Em 
Que a lei do teu silencio é que te faz sobreviver 

              C                       D 
E ele disse Raios, eu vou voltar pra Portugal 
          Bm                   Em 
Não quero nem lembrar que um dia estive aqui 
           C                           D 
Se eu pudesse cobrir, o que um dia eu descobri 
       Bm                      Em 
Já que eu não posso, digo  adeus ao meu Brasil 
      Em 
Raios 

Compartilhe esta música: novo

QR Code
Copiar