Infinita Highway (original do acustico)

Engenheiros do Hawaii

Tom: E
Intro: 
E E/D# A B E E/D# A B 
 
Verso 1: 
   E           E/G# 
Você me faz correr demais 
   B                   E/B B 
os riscos dessa highway 
   E           E/G# 
Você me faz correr atrás 
        B                 E/B B 
do horizonte dessa highway 
     E 
Ninguém por perto, 
   E/G# 
silêncio no deserto, 
    B          E/B B 
deserta highway 
 
Ponte: 
   E            E/G# 
Estamos sós e nenhum de nós 
B                    E/B     B 
sabe exatamente onde vai parar 
 
Refrão: 
A                      B 
Mas não prescisamos saber 
 
pra onde vamos, 
C#m 
nós só prescisamos ir 
A 
 Não queremos 
 B 
ter oque não temos, 
C#m 
nós só queremos viver 
A                B 
 Sem motivos nem objetivos 
       E      B/D# 
Nós estamos vivos 
    C#m 
e é tudo 
                 A 
É sobretudo a lei 
B                E E7M A B 
 dessa infinta highway 
  E      E7M A B 
Highway 
 
 
Verso 2: 
   E 
Escute garoto, 
        E/G# 
o vento canta uma canção 
B 
Dessas que uma banda 
 
Nunca toca sem razão 
          E 
Então me digam garota 
        E/G# 
será estrada uma prisão? 
   B 
Eu acho que sim, 
 
você finge que não 
     E 
Mas nem por isso 
     E/G# 
ficaremos parados 
         E 
Com a cabeça nas nuvens 
 
e os pés no chão    então 
 E 
Tudo bem, garota 
                  E/G# 
não adianta mesmo ser livre 
    B 
Se tanta gente vive 
 
sem ter como comer 
 
Refrão: 
A                 B 
 Estamos sós e nenhum de nós 
C#m 
sabe onde vai parar 
A             B 
 Estamos vivos   sem motivos 
      C#m 
Que motivos temos pra estar  
   A 
Atrás de palavras 
       B              E 
escondidas nas entrelinhas 
     B/D#    C#m 
do horizonte desta highway? 
A B                 E E7M A B 
    Silenciosa high-way 
              E E7M A B 
infinita high-way 
 
Verso 3: 
   E                   E/G# 
Eu vejo o horizonte trê-mulo 
    A                   F#m 
Eu tenho os olhos úmidos 
   E 
Eu posso 'tar 
          E/G# 
completamen-te enganado 
            A 
Eu posso estar 
             F#m 
correndo pro lado errado 
         E 
Mas 'a dú-vida é 
              E/G# 
o preço da pureza' 
      A                F#m 
e é inútil ter certeza 
    E                E/G# 
Eu vejo as placas dizendo 
          A           F#m 
não corra,  não morra,   não fume 
    E 
Eu vejo as placas 
    E/G# 
cortando o horizonte 
        A           F#m      E    
Elas parecem facas  de dois gumes 
 
E7M A B E E7M A B 
 
verso 3: 
     E 
e a minha vida é tão confusa 
          E7M 
quanto a América Central 
    A  
Por isso não me acuse 
     B 
de ser irracional 
   E             E7M 
Escute garota, façamos um trado: 
          A 
Você desliga o telefone 
         B 
se eu ficar um pé no saco 
 
A    B    C#m 
 110, 120,   160 
A          B 
 Só pra ver  até quando 
      C#m 
o motor aguenta 
 
Final: 
    A 
Na boca em de um beijo, 
B 
  um chiclet de menta 
    C#m 
E a sombra de um sorriso 
 
que eu deixei 
F#m B 
      Numa das curvas 
   E E7M A 
da highway 
B 
 Essa infinita Highway 
     E E7M A B 
High-way 
A B 
 
E 
 
 
 

Compartilhe esta música: novo

QR Code
Copiar